Páginas

domingo, 20 de maio de 2012

Caiu =(

Gente é isso mesmo no auge de seus três meses o Enzo levou seu primeiro tombo. Ele caiu e quase me infartou. Meu pequeno travesso caiu do bebê conforto quando o pai o transportava de um comodo para o outro (ele estava sem o cinto porque a mãe desnaturada não prendeu) e sendo a distância a ser percorrida uns três passos não imaginávamos que isso poderia acontecer, o fato foi que a alça não estava travada e acabou dobrando, a altura estava abaixo do joelho o que fez o impacto ser pequeno (Graças a Deus) ele bateu com o rostinho no chão e foi aquele AUÊ aqui em casa. Chorou filho, chorou mãe e se bobear chorou pai também. Não houve sangramento e nenhum machucado, mas a boca inchou muito. Levamos a Emergência e a pediatra de plantão examinou e disse que não havia nada de grave, ele tinha sofrido um trauma leve e teria que colocar gelo no lábio 3x ao dia. 
Ontem mesmo o inchaço passou, durante o dia ele ficou bastante enjoadinho mais a noite já estava todo serelepe. E hoje está novinho em folha. 
Não desejo este SUSTO terrível a ninguém. Até agora estou com meu coração doendo. 
Bom #ficadica para as mamães daqui, não ignorem o cinto de segurança nem por um momento. Eu senti na pele a minha displicência.

** Hoje o Enzo vai pela primeira vez a uma festa de aniversário infantil. Depois venho contar.

Bom Domingo a todas.

6 comentários:

Camyla Toneto disse...

Oiii Elaine.
Nossa!! Eu imagino o SUSTO...
Mas graças a Deus não foi nada grave né?

Beijinhos

C@ty disse...

Menina aconteceu a mesma coisa com minha minha amiga...por isso eu ja fiquei de alerta quanto a isso! tadinhoooo, mas graças a Deus que não foi nada grave! bjs

Coisas Diárias de VANESSA disse...

Tadinho!!!!!!!! ainda bem que não teve nada grave!
Mas isso pode acontecer... meu filho caiu da banheira (quando virei para pegar a toalha no banheiro) e do sofá (mãe doida!), e foi na fase em que eles começam a ser virar e a sentar (eles não olham pra tras antes de se sentar).
A Maria Luiza ainda não se mexe mt mas vou ficar esperta com o bebe conforto, pq tb não costumo prender em casa!
bjs

O Apê de Nós Três! disse...

amiga do céu que sustão hein!!!! Eu não deixo o SAmuca no bb conforto sem cinto de jeito nenhum até por que ele DETESTA ficar lá e quando ponho, ele levanta o corpo com a maior força, fazendo um escandalo parecendo q quer levantar rsrsrs muito engraçado, mas daí por isso fico muito alerta.

Débora de Paula disse...

Nossa nem quero imaginar o susto que vc tomou! Imagino o pavor! Já anotei a dica pra quando meu filho nascer! (to com 5 meses)
Seguindo o blog!
Se quiser, me visita: www.debbydepaula.bogspot.com.br

Anônimo disse...

Demorou um mês pra eu ter coragem de contar meu problema. Muitas vezes pensei em desistir, mas considero importante deixar meu relato como alerta as mamães e futuras mamães. No dia 01/12/2013, estávamos eu, meu bebê Matheus e meu marido no Craisa de Santo André comprando frutas e legumes. Resolvemos montar o carrinho da marca Burigotto Touring SE Rio Reversível e fazer as compras. Foi tudo normal até que na hora de irmos embora, meu marido desencaixou o bebê-conforto do carrinho e foi colocar nosso bebê no carro. Aconteceu que o bebê-conforto quando encaixado no carrinho não trava a alça de segurança do bebê-conforto. Podem tentar. Como não tinhámos o costume de pôr o cinto do bebê- conforto, meu bebê caiu de cara no chão no estacionamento. Nosso desespero foi imenso, às vezes me pego pensando na imagem do meu bebê caído no chão. Nem o macacão que ele usava no dia quis usá-lo mais. Fomos imediatamente ao Hospital e tiraram uma radiografia e Graças a Deus não deu nada. Logicamente, o impacto deixou um corte no narizinho dele e alguns arranhões. Ainda está em processo de cicatrização. Mas, ele está bem e saudável. Eu sinceramente pensei que ia morrer. Ficamos desesperados. Minha dor foi tão imensa que eu fiquei com a imunidade zero, fiquei abalada por semanas e meu marido pior ainda. O sentimento de culpa tomou conta de imensamente jeito que nos isolamos de tudo e de todos. Eu não aceitava aquela situação porque eu nunca quis ver meu filho sofrer, e o vi por culpa minha, foi um descuido que me causou a maior dor que tive. Estamos nós recuperando, mas quero que as mamães tenham o cuidado que nós não tivemos.
Mas fica o meu alerta:
Sempre coloque todas as fivelas e cintos no bebê, tanto do carrinho quanto no bebê-conforto.
Nunca tente travar o bebê-conforto encaixado no carrinho. Retire o bebê do bebê -conforto, coloque-o no carro, depois coloque o bebê e arrume os cintos.
Nunca use o bebê-conforto pra transportar seu bebê. Não confie num pedaço de plástico, seu colo é muito mais seguro.
SEMPRE afivele o cinto do bebê -conforto.
Cheque as travas sempre, duas ou três vezes.
Quando comprar o seu carrinho de bebê, teste-o sozinha, monte-o, desmonte-o e leia o manual.

Missão cumprida! Que eu nunca mais ouça uma história desta, nem minha pior inimiga merece ter uma dor desta.

Postar um comentário

Adoro quando você comenta... Obrigada!

Visualizações de Página